Banner2

Banner1

O que fazer em caso de sinistro.


A Billy Seguros, preocupada com a sua tranquilidade, disponibiliza uma estrutura exclusiva, para atendê-lo em caso de ocorrência de sinistros, em qualquer bem segurado.
 
Nossa equipe está preparada para apoiá-lo e tirar todas as suas dúvidas em relação ao correto preenchimento do aviso de sinistro, coberturas contratadas, utilização do assistência 24 horas, entre outros.

Além disto, faz o acompanhamento pessoal de todo o processo de atendimento ao seu sinistro junto a seguradora de sua apólice, até a efetiva conclusão e reparação do bem sinistrado.

Como proceder em caso de sinistro

O sinistro se define como a ocorrência de qualquer evento previsto no contrato de seu seguro (como colisão, furto, roubo, etc) e que deve ser indenizado pela seguradora. Em caso de sinistro, os procedimentos gerais para ter direito à liquidação e à indenização são os seguintes: 

1. Boletim de Ocorrência

Comunique o mais rápido possível a uma autoridade policial sobre o ocorrido com você e seu automóvel, para a montagem de um Boletim de Ocorrência. Se possível, tente anotar o nome e endereço de 3 testemunhas presentes no local do sinistro.

2. Aviso de Sinistro

Entre em contato com sua seguradora e realize o Aviso de Sinistro, ou seja, a comunicação de sua ocorrência. Você fará uma descrição do ocorrido (local do sinistro, horário e condições no local). A seguradora irá orientá-lo quanto à documentação que deverá ser entregue, como Boletim de Ocorrência, documento do carro e cópias do RG, CPF e CNH. Além disso, irá disponibilizar uma assistência 24 horas no local, caso esteja incluída em seu seguro.

Saiba também...

Quando fazer o aviso de sinistro

Faça o Aviso de Sinistro o mais rápido possível, pois se a seguradora conseguir comprovar que as consequências poderiam ter sido menores se você a tivesse contactado antes, você pode perder direito à indenização.

Prazo máximo para liquidação do sinistro

O prazo máximo para regularização e liquidação do sinistro pelas seguradoras é de 30 dias. No entanto, muitos segurados reclamam do atraso no pagamento da indenização. Isso ocorre somente quando o segurado não possui todos os documentos exigidos pelas seguradoras, sendo que o prazo volta a correr somente após a entrega deles. Procure manter seus documentos sempre em dia, pois serão importantes em caso de sinistro.

Em caso de sinistro de automóvel, residência, empresa, condomínio, e/ou outros bens, ocorridos de segunda a sexta-feira no horário comercial

Nenhum comentário:
Write comentários